Iniciação à vida cristã é o tema da 55º Assembleia Geral da CNBB

O episcopado brasileiro estará em Aparecida (SP), entre os dias 26 de abril e 5 de maio de 2017, para a 55º Assembleia Geral da CNBB
Publicado em: 22/04/2017 - 11:00
Créditos: Redação com CNBB nacional e A12

Entre 26 de abril e 5 de maio, os bispos do Brasil se reunirão em Aparecida (SP) para a 55a Assembleia Geral da CNBB. O encontro anual do episcopado brasileiro terá como tema: “Iniciação à vida cristã: um processo formativo do discípulo missionário de Jesus Cristo”. São aguardados mais de 300 bispos (entre ativos e eméritos), que participarão das discussões da Assembleia.

Em entrevista ao Portal A12, o Cardeal Sérgio da Rocha, arcebispo de Brasília, contou que a escolha do tema foi baseada nas Diretrizes Gerais da Ação Evangelizadora para o Brasil (DGAE), que é o documento que traz as orientações pastorais do quadriênio 2015-2019. A iniciação à vida cristã é uma das cinco urgências desta ação.

“A iniciação cristã se aplica àqueles que estão sendo iniciados na fé, sejam crianças, adultos ou jovens. Nós estamos precisando dar mais atenção à iniciação cristã, isto é, à catequese primeiramente, mas também aos ritos de iniciação cristã, a começar do Batismo, que precisa ser mais valorizado, melhor preparado e vivenciado”, explicou Dom Sérgio.

A elaboração do texto que será trabalhado durante a Assembleia foi feita por uma comissão de assessores ligados às comissões que estão envolvidas com o tema da iniciação a vida cristã, como Liturgia, Animação Bíblico Catequética e os setores Universidades e Cultura da CNBB.

Dom José Peruzzo, arcebispo de Curitiba e presidente da Comissão Episcopal Pastoral para a Animação Bíblico Catequética da CNBB, também presidente desta comissão do tema central, informou em entrevista a CNBB nacional, que o texto foi preparado para que sirva de estimulo às lideranças comunitárias e eclesiais, “na implementação de caminhos evangelizadores que contemplem experiências consistentes e vivenciais de encontro com o Senhor”.

Segundo Dom Peruzzo, assim como indicado nas DGAE, trata-se da aplicação da Iniciação à vida cristã como inspiração catecumenal. “Em importantes documentos sobre Evangelização e Catequese a temática se reapresentou. Passou quase desapercebida nas assembleias do episcopado latino-americano. Mas, graças a Deus, surgiu com grande força em Aparecida”, destacou.

Dom Peruzzo em entrevista para a  Rádio 9 de Julho

Outros temas também serão abordados

Além do tema central, a Assembleia também trará outros assuntos para o debate, como o Ano Mariano Nacional e o tricentenário do encontro da Imagem de Nossa Senhora Aparecida, as novas formas de consagração e as novas comunidades, além dos dez anos da Conferência de Aparecida e o Sínodo dos Jovens.

A Conjuntura Político-Social do Brasil também será tratada, sob o aspecto do cenário da educação no Brasil: os caminhos para a superação dos principais desafios e políticas públicas específicas neste âmbito.

A programação conta ainda com uma celebração Ecumênica no dia 2 de maio, recordando os 500 anos da Reforma Protestante. Na quinta-feira, dia 4 de maio, será realizada uma Sessão Mariana, em comemoração pelos 300 anos do Encontro da Imagem de Nossa Senhora Aparecida e 100 anos das Aparições de Fátima.

O começo da 55a Assembleia Geral na quarta-feira, 26, será com a celebração da missa com laudes, às 7h30, no Santuário Nacional de Aparecida. Na sequência, as demais atividades serão no Centro de Eventos Padre Vítor Coelho de Almeida.

(Redação: Renata Moraes/ Com informações da CNBB Nacional e A12)